Blog

Fome, vontade, vontadezinha e vontadezona de comer

Os conceitos de “fome”, “vontade”, “vontadezinha”, “vontadezona” fazem parte de uma atividade proposta na abordagem da Nutrição Comportamental. Para quem não conhece, é a linha que eu trabalho com os meus pacientes e nos programas de qualidade de vida em empresas que faço com o Pé de Feijão.


A Nutrição Comportamental é uma área inovadora, com embasamento científico que inclui aspectos fisiológicos, sociais e emocionais da alimentação. Se você quiser saber mais, entre no site da Nutrição Comportamental.


O objetivo de separar “fome”, “vontade”, “vontadezinha”, “vontadezona” é, justamente, você identificar os diferentes tipos de sensações e então criar consciência, podendo analisar e refletir: ok, agora que eu sei o que é, posso escolher entre comer ou não.



Fome


A fome não é específica. Se você se perguntasse, o que eu comeria? A resposta não seria prontamente algo como chocolate, pizza, hambúrguer... Quando você está com fome, na verdade, você comeria qualquer coisa que estivesse na sua frente. Portanto, se pergunte: eu comeria uma maçã? Banana? Frango? Arroz e feijão?

Estes exemplos representam alimentos básicos do dia a dia de muita gente. Então, se a resposta for, sim, comeria! Você está com FOME.


Vontadezinha


É aquela vontade despertada pelo contato com o alimento. Ou seja, você não estava pensando em comer, nem estava com fome, até entrar em contato de alguma forma: seja pela visão, olfato ou então ouvindo alguém falar sobre.

Se pergunte: se eu não tivesse entrado em contato com este alimento, eu o comeria mesmo assim?

A partir da sua resposta, avalie se você quer ou não comer.


Vontade


Ela é bem genuína e específica mas, apesar disso, não é urgente. Isso significa que, você pode reconhecer a vontade de comer esse alimento, ele pode não estar disponível no momento e tudo bem, isso não causará nenhum sentimento ruim ou ansiedade.

Se pergunte: quero comer tal alimento (ex. O pudim que a minha mãe faz), mas não o tenho agora. Portando, consigo me planejar para comer outro dia?

Se a resposta for sim, SIM, se planeje e coma com prazer o alimento que você estava com vontade.


Vontadezona


Não é específica, mas é super urgente. Aquela fome de não sei o que, mas de preferência algo gostoso. Sabe como é?

Essa vontadezona pode também ser relacionada com emoções, ou alguma outra carência. Pare, sinta e reflita.

Você pode começar perguntando a si mesmo: eu estou com fome do que? Na medida que você começa a aprender a explorar essa questão, pode se surpreender com as respostas que poderão vir, e podem não estar necessariamente relacionadas à comida. Muitas vezes essa “fome” pode significar uma necessidade de apoio, amizade, reflexão, divertimento, romance, natureza, e por aí vai.

Sei que parece muito abstrato, e é mesmo!

Podemos chegar a algumas respostas sozinhos, tendo um insight ou um despertar. Mas, para te ajudar melhor nessa exploração, sugiro que você procure ajuda profissional especializada, para te orientar da melhor forma.


Espero que tenham gostado desse post. Em tempos de isolamento social, restrição de mobilidade e quarentena, podemos aproveitar um tempinho para olharmos para dentro e aprendermos mais sobre nós mesmos. Beijos da nutri, Raquel <3





Posts em destaque
Arquivo
Redes sociais
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • Twitter Social Icon

Rua Aimberê, 1731 - Perdizes

São Paulo - SP

Tel: 11.98983.4111

© 2018 by WellMove - Movimento Pelo Bem-Estar. Proudly created with Wix.com