Blog

Sobre flores comestíveis

A partir do dia 22 de Setembro, até o dia 22 de Dezembro, vivenciamos a estação mais florida do ano: a primavera! Muita gente não sabe, mas existem várias flores que são lindas, decorativas e comestíveis. Porém, quando se trata desse assunto, alguns cuidados devem ser tomados. Veja aqui algumas orientações práticas para você começar a incluir as florzinhas na sua alimentação:

  • Para consumir as flores comestíveis, primeiro, você deve escolher um fornecedor de confiança que garanta o cultivo sem substâncias nocivas à nossa saúde.

  • Também não é recomendado consumir flores direto de canteiros nas ruas, floriculturas, mercados e lojas convencionais a menos que estejam rotuladas como comestíveis, caso contrário, podem não ser comestíveis e/ou apresentarem alto nível de pesticidas, químicos e contaminantes.

  • Para começar, escolha as mais conhecidas como amor-perfeito, begônia, calêndula, capuchinha, pétalas de rosa e também as flores de alecrim, manjericão, hibisco, tomilho e camomila.

  • Quando usadas na culinária, todo cuidado é pouco! Elas devem estar bem frescas e, em pratos quentes, é indicado colocá-las apenas na finalização para preservar a aparência, textura e o sabor.

Veja aqui algumas dicas de uso de cada uma:

Flor e folhas da capuchinha

Capuchinha: assim como as suas folhas, tem um sabor levemente picante que lembra o agrião. Pode ser usada na finalização de pratos como saladas, arroz e risotos.

Flor do manjericão roxo

Flores do manjericão: são ótimas para dar aroma e um sabor leve de manjericão em qualquer preparação. Podem também ser misturadas com queijos e ricotas.

Flore secas de hibisco

Flores secas de camomila

Flores de hibisco e camomila: são perfeitas para decorar e aromatizar sobremesas, salada de frutas e bolos.

Begônias

Amor-perfeito

Begônia e amor-perfeito: ficam lindas quando congeladas dentro das forminhas de gelo para servir com água, chás e sucos.


Atenção: ao consumir flores comestíveis, fique atento a qualquer sinal de alergia ou intolerância (manchas vermelhas pelo corpo ou problemas gastro-intestinais, por exemplo) e, caso aconteça, procure imediatamente um médico. Pessoas com alergia a pólen não devem consumir flores comestíveis sem orientação profissional.


Espero que tenham gostado! Beijos da nutri, Raquel :)

Posts em destaque
Arquivo
Redes sociais
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • Twitter Social Icon

Rua Aimberê, 1731 - Perdizes

São Paulo - SP

Tel: 11.96750.4488

© 2018 by WellMove - Movimento Pelo Bem-Estar. Proudly created with Wix.com